5 dicas de como se comportar em um jantar de negócios

Um jantar de negócios (ou até mesmo um almoço) é uma maneira de sair do escritório para um ambiente mais informal e discutir as ideias de uma forma aberta. Porém, eu sempre vejo que as pessoas têm muitas dúvidas de como se comportar nessas ocasiões.

E com razão! Afinal, o restaurante é um lugar mais descontraído, mas isso não quer dizer que você possa esquecer as regras de boa convivência, certo? É por isso que eu elaborei cinco dicas de como se comportar em um jantar de negócios. Confira!

1. Quem deve pagar a conta?

Se você fez o convite para o jantar, a responsabilidade da conta é sua (ou da empresa que você representa). Mesmo que o convidado se ofereça para pagar a refeição, recuse educadamente. Você pode argumentar que a conta será paga pela empresa, então não há problema.

2. Como escolher o local ideal?

Quando convidar as pessoas, ofereça algumas sugestões de locais. Porém, fique atento para as restrições ou preferências alimentares dos convidados.

Se alguém do grupo é vegano ou tem alguma restrição alimentar como por exemplo intolerância a lactose, certifique-se de que o restaurante tenha opções de pratos contemplando essas necessidades. É também preferível que você reserve o lugar com antecedência e chegue antes dos convidados, claro.

3. Que tipo de prato pedir?

Essa é uma das dúvidas que mais incomodam.

Então, vá pelo bom senso: evite pedir pratos complicados de comer ou de sabores que você nunca experimentou, para não se lambuzar todo ou ter algum desconforto de saúde. Também não escolha as opções mais caras, mesmo que seja a sua empresa que está pagando.

Com relação às bebidas, a regra do bom senso impera novamente: se você sentir que há espaço para essa informalidade, peça uma cerveja ou taça de vinho, mas não vá além disso, porque afinal, se trata de um jantar de negócios.

4. Como deve ser a conversa?

Isso deve partir do grau de formalidade que você tenha com as pessoas do jantar, mas comece com assuntos mais amenos, evitando temas que possam gerar algum desentendimento. Após pedir os pratos principais, o anfitrião do jantar pode dar início aos negócios.

Contudo, antes mesmo do encontro, vá preparado para as questões que surgirem. Lembre-se de que ainda que seja uma ocasião informal, as pessoas podem fazer perguntas difíceis, então é sempre bom preparar argumentos antes.

5. Como lidar com pequenas regras de etiqueta?

Nem todo mundo é acostumado com jantares formais, mas existem algumas dicas básicas para lidar com esse momento. O guardanapo, por exemplo, deve sempre ficar no seu colo e se você precisar se levantar, deixe-o em cima da mesa no lado esquerdo, com a parte suja virada para baixo.

Deixe o celular no modo desligado ou silencioso, mas cuidado com as vibrações que o aparelho pode emitir. Se for uma ligação urgente, peça desculpas e se retire para atender, mas não demore muito tempo. Notebooks e tablets não devem ficar em cima da mesa no momento do jantar.

Levando estas dicas em consideração, você já vai percorrer metade do caminho para um jantar corporativo de sucesso! A outra metade vai depender do que você vai apresentar e, claro, da imagem de sucesso que você projeta.

Gostou dessas dicas? Compartilhe nas suas redes sociais e ajude seus amigos e colegas a se comportarem em um jantar de negócios!

 

Compartilhe esse post

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comentários:
  1. Lucia de Souza

    Muito bom!

    • Adelina Evangelista

      Obrigada Lucia!!!

Todos os conteúdos do site Adelina Evangelista são protegidos por copyright, o que significa que nenhum texto ou imagem podem ser usados sem a autorização expressa da Adelina, mesmo citando a fonte.